Um pouco sobre meu pai e encontros internéticos

Meu pai tem 63 anos.
Meu pai gosta de dormir na frente da TV. Meu pai gosta de dançar. Meu pai gosta de praia. Meu pai gosta de cervejinha com bons amigos, de jogar conversa fora. Meu pai gosta de jogar buraco. Meu pai gosta de futebol. Meu pai gosta de namorar. Meu pai gosta de viajar.
Meu pai é ranzinza. Meu pai não entende tanta modernidade nos relacionamentos, ainda que ele mesmo não seja de todo convencional em seus romances. Meu pai não tem paciência com criança. Meu pai não tem saco com adolescente. Meu pai compreende mais do que qualquer um que impor limites e permitir liberdades é importantíssimo pro crescimento de um filho.
Meu pai não tem computador. Meu pai só usa a internet pra enviar a declaração anual do Imposto de Renda. Meu pai não entende a graça que a gente vê em ficar na frente do monitor durante tanto tempo.
Meu pai, até novembro desse ano, não fazia idéia do que seria um blog. Meu pai, na verdade, nem sabia que existia essa coisa chamada blog.
Aí a gente viajou pra Manaus, com uma parada forçada em Brasília. E mudou tudo na cabeça dele.
Percebi essa mudança no último domingo, quando a gente foi a um pesque-e-pague aqui da região pra passar o dia. É um lugarzinho bem legal, com um barzinho na beira do lago em que crianças e velhos dão banho nas minhocas. E lá, a gente encontrou amigos do meu pai, todos com mais de 65 anos.
E meu pai começou a contar pros amigos como foi a viagem da gente. E começou a falar do Poeta, do Selph, da Ban, da Rô, da Menin@ , do Ives.
Meu pai falou com tanto carinho desses meus meninos que amo tanto! Meu pai contava pros amigos como todos nos trataram com tanta consideração, como foram tão hospitaleiros. Meu pai falava de como eram todos tão jovens e tão inteligentes, tão dedicados aos estudos, ao trabalho, à leitura, às artes. E ele falava: tudo gente que minha filha nunca tinha visto antes, só conhecia da internet, do blog… “da internet, do blog” é ótimo!
Meu pai, que antes via os relacionamentos internéticos com a desconfiança que a maioria tem, deixou cair um pouco do preconceito. Meu pai notou que a internet também pode ter outras utilidades, além de dar acesso ao site da Receita Federal.

Anúncios
Published in: on 21 dezembro - 2006 at 9:15 am  Deixe um comentário  

The URI to TrackBack this entry is: https://loucaporblog.wordpress.com/2006/12/21/um-pouco-sobre-meu-pai-e-encontros-interneticos/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: