Orkut

Cometi orkuticídio em novembro do ano passado. Eu acho. Me aborreci com algumas assombrações que apareceram, pessoas que me acharam pelo orkut, e resolvi deletar minha conta. E não sinto a menor falta.
Tudo bem que eu já quase não acessava o orkut mesmo. Pra não deixar o scrapbook às moscas, habilitei a paradinha de receber aviso por email quando deixavam novos recados e só entrava no dito cujo pra responder – ou deletar – quem ainda insistia em me contatar por ali. Não visitava comunidade nenhuma, não futucava na página de quase ninguém, não brincava de nada. Realmente, orkut nunca foi um grande passatempo pra mim.
Mas ontem, enquanto lavava louça…
Pausa pra um parênteses
(Gente!!! Que coisa triste é tirar férias pra ser dona de casa. Vou te contar, viu! Ontem passei uma pilha de roupa maior do que eu, lavei louça pacas… hoje, antes das oito da matina, já estava com almoço no fogo e lavando mais um monte de louça suja. Já varri a casa, coloquei roupa de cama pra lavar… NINGUÉM MERECE ISSO!!!! Vamos combinar que férias boas são aquelas em que você viaja, fica num hotel e só se preocupa em salgar as partes e dourar a virilha*)
Fim do parênteses.
… então. Ontem, enquanto lavava louça, sei lá porque fiquei pensando no meu orkut suicidado. Aí me lembrei de uma coisa que me deixava contente quando tinha aquilo lá: ver quem eram as pessoinhas que acessavam minha página.
Tinha um menino, em especial, que me deixava muito contente quando eu via o nominho dele lá na lista de quem tinha acessado. Esse moço é o mesmo dessa história aqui e, como já escrito no texto desse link – vai lá ler, vai! -, ele é um filho do coração que está longe. E toda vez que eu via que ele tinha visitado minha página do orkut, eu ficava feliz. E ia na página dele também, só pra ele ver meu nome lá depois de alguns dias. Aproveitava pra olhar os scraps e ver o que ele estava fazendo. Aliás, a tal viagem que ele fez do Rio à Paraíba pilotando sua Biz, acompanhei em sua página, que virou um tipo de diário de bordo.
Pois é… sem meu orkut, não dá pra me manter atualizada sobre a vida desse menino que amo tanto. Só às vezes, quando encontro com a mãe dele, tenho algumas notícias, mas, cês sabem como é, mãe é uma coisa desatualizada e por fora da vida dos filhos, o que significa que ela nunca tem muito o que me dizer. Enfim…
* by família Vitiello
Published in: on 14 março - 2008 at 4:31 pm  Comments (26)  

The URI to TrackBack this entry is: https://loucaporblog.wordpress.com/2008/03/14/orkut/trackback/

RSS feed for comments on this post.

26 ComentáriosDeixe um comentário

  1. Lembrando do seu orkuticídio (eu cometi blogcídio! mas penso* em voltar com um “secreto”), vi uma notícia e pensei em você na hora. O Colégio Santa Úrsula se mudou para dentro da Universidade Santa Úrsula. Eles iam vender o prédio que você estudou.

    Sério?!?!?!? Caramba… ouvi dizer que eles estão com graves problemas financeiros…

    * Só penso, porque não tenho tempo, já que sou minha chefe.

    *Ah, eu gostava de ver sua carinha lá, mas entendo porque passo por muita saia justa ao dizer nãos lá.

    Bjs!

  2. Clau, eu cometi orkuticídio e blogcídio na mesma época (no blog parei de escrever porque passei por umas encanações fortíssimas e que têm tudo a ver com seu post mais abaixo (o que fala do seu blog, que vc não queria (não intencionava) que algumas pessoas próximas fossem ler e tal. E, vamos combinar, nós duas fomos MUITO ingênuas de escrever com nossos nomes verdadeiros e sem intencionar ser lidas por algumas pessoas… eu não sei se foi só ingenuidade minha ou se foi burrice também, mas prefiro achar que sou mesmo apenas desligada demais… :P)

    Nem ingenuidade e nem burrice… a gente só não pensou muito…

    Do orkut eu saí por ter ficado de saco MUITO cheio de gente cuja vida É o Orkut. Sério, te juro que existe isso. Gente que não sai daquele treco e visita profiles de 456 mil pessoas num dia só e lê mais de 150 mil scraps, só pra saber o que todos andam fazendo da vida, quem casou, quem separou, que perdeu o emprego, quem ganhou na mega sena… ai, encheu demais aquilo. Tudo bem que eram poucas pessoas agindo assim (na verdade apenas uma me incomodava tanto), mas eu preferi sair daquele treco e respirar um pouco. Voltei e agora não vou adicionar ninguém, mas ninguém mesmo, que tenha estas características que eu relatei acima. Gosto do orkut mesmo ele tendo virado uma porcaria. Mas algumas comunidades ainda são muito úteis pra mim. Geralmente são as que têm menos membros e dizem respeito a alguma coisa bem específica.

    Hum… sei lá… a única comunidade que eu cheguei a participar ativamente foi a do Cintaliga… mas ela acabou…😦

    E como o Trotta comentou no tal post, realmente não tem como a gente fazer blog mesmo com outro nome e achar que não seremos descobertos. A menos que a pessoa faça como o Neutron, que disse que nunca falou do blog pra nenhum conhecido (cara, eu precisava MUITO ter tido umas aulas com ele! Hahaha)…

    Beijos, Clau. Não desanima de postar, não.😉

    PS: eu também passo férias em casa muitas vezes, e é mesmo o ó…:/

    Menina, tu casou?!?!? Mudou tudo!!!

  3. O Orkut tb quase não me serve de nada!
    Acho útil para recados rápidos… e só.

    Mas que expressão bizarra essa que vc colocou!!! Benzadeus!

    Qual expressão?

  4. Clau, agora o orkut permite que os não amigos não tenham acesso aos scraps, às fotos e aos depoimento.
    Olha que belezinha, só seus amigos podem xeretar seu orkut.
    Amei muito.
    Volta Caludia, volta.

    É um progresso, é um progresso! Mas provavelmente não voltarei pro orkut não…🙂

  5. Sabe Claudia…
    Esse negócio de Orkut é mesmo um sakuxeio mesmo. Um pano de bunda que não serve pra nada a não ser fazer a gente perder tempo.
    E o pior (eu também já pensei em deletar) é que existem lá pessoas que a gente não via faaaaaz tempo e que ainda nem sequer se comunicam (talvez não saibam) por msn ou e-mail.
    Lá do interiorzinho em que nasci e que dá uma saudade danada daqueles tempos.

    Enfim…

    É… orkut é bom pra achar gente desaparecida há muito da nossa vida… mas nem sempre é bom achar certas pessoas…

  6. Engraçado, eu nunca cometi orkuticício…

    É lindo vc se preocupando com as pessoinhas…

    Quiser eu te mando um convite pra entrar no orkut…

    Heheehe

    Nhá pra ti!!!

  7. eu nunca cometeria orkutssidio. mas tambem nao tenho o negocio de ver quem visita o meu perfil.
    nossa…o oposto!

    orkut fugiu muito da idea inicial eu ate ja fiz um post falando disso. hoje em dia e mais um msn com perfil ou um gerador de fofoca do que um site de relacionamentos.

    beijos

    Lembro bem desse seu texto. Lembro que concordei com ele. Realmente, orkut não tem nada a ver comigo…

  8. Quando os nossos sonhos são retirados da gente, a realidade pode ser insuportável.

    Não se faça de vítima! Você não foi e nem é vítima! Ninguém tem como tirar os nossos sonhos… talvez só mudem alguns personagens, mas os sonhos ficam com a gente… e você é muito maior, melhor e mais sincero do que alguns desses personagens principais de seus sonhos. Volta a comandar sua vida, menino! Mais não falo… sei lá se é maluquice da minha cabeça, né? Nem te conheço… ou não?

  9. Quem diria, Claudia Lyra anti-social.

  10. Clau, não cometi orkuticídio, mas acho o Orkut uma bosta cara, sinceramente, é um xeretando na vida do outro, sem contar nas vacas que ruminam scraps imbecis para homens comprometidos, meu tem que ter muito saco. Há muito tempo não entro no meu. Vc tá bem?
    Tá de férias? Vem pra cá, vem!

  11. Se quiser eu empresto a senha e login do meu fake pra você visitar de vez em quando a página do rapaz, hauahuahau😀

  12. Clau, o que eu mais gosto no orkut é a sorte do dia! É delirantemente divertido de tão burro que é!
    Beijos

  13. Vixi, faz tempo que num apareço por aqui, ainda lembra de mim?

    Eu também estou quase deletando o orkut. Tô naquela mesma fase onde só entro quando recebo um e-mail avisando que tem um scrap novo. Realmente só não deletei ainda porque ainda mantenho contato com o pessoal que estudava comigo no ensino médio.

    Assim que descobrirem o msn ou que percamos o contato eu também me orkuticidarei, hehhe😉

  14. Já pensei em orkutcídio, mas não tenho coragem, por conta dos amigos q me acessam também. Ô apego…

  15. Que coincidência, não???

    Eu aqui, com muitas saudades suas, pensando “pq a Claudia deletou o orkut dela… nhunf!” e entro aqui e o post é justo sobre isso!

    Posso dizer que não concordo???

    Nhunf!

    Mas cada um sabe do que é necessário fazer… bjão, Claudia, aproveite suas férias e, já sabe, tens onde ficar em Sampa, oka? ;~)

  16. Olá….td bem? Quero dizer que me identifiquei demais com teu blog pois, assim como vc, sou louco por blog. Confesso que hj acesso menos. Mas adoro. E tanto que….resolvi escrever um. Sou assim, suuuuper novato e se vc pudesse me ajudar nem teria como agradecer. Se vc tiver alguma dica, como usar(nao aprendi a colocar foto…hihihi), enfim…desculpa o incomodo. Sempre te acompanho aqui no blog. Se der, passa lá.
    Abraço
    Cid.

  17. Aiai!
    Cláudia, estou entendendo o que você falou. Assim no gerúndio mesmo…
    Seja eu quem vocâ acha que sou ou não, o que escreveu está servindo muito bem. Concordo que os sonhos continuam nossos, mas ele ainda podem ser estragados (e não tirados) pelas decisões de alguns personagens. Difícil é ainda acreditar num sonho mesmo sabendo que perdeu-se muito tempo.
    PS. Daqui a pouco vc terá a seguinte entrada do Google “Psicóloga Cláudia Lira”
    rsrsrsrsrs

  18. querida, e meu amado que tirou férias para fazer mudança e passou as férias inteiras arrumando coisas, caixas e caixas, afffffff

    beijos e boa semana,

    MM.

  19. Lindo texto. Gostei da forma carinhosa como você contou o que sente.
    Grande beijo

  20. Ah… que saudade de você. Lendo seus posts hoje (afinal, ando tanto tempo no jornal, que quando chegou em casa não quero olhar para a cara do computador), parece que estou conversando com você. Vou te ligar.
    Beijos!

  21. Ola!
    Pelo visto as férias nao foram exatamente um sonho, né?!
    Mas imagine eu, que nao trabalho, faço isso todos os dias…
    E é um trabalho que nao acaba nunca!
    Olhei o seu blog com atenção, gostei bastante para quem escreve sem pretensão,seus textos surpreendem.Descontraídos,leves e simpaticíssimos. Parabéns!

  22. Encontrou o Fábio???? beijos

  23. Adorei seu blog, axei ele no google… me identifiquei muito contigo….tm sou mãe, esposa, dona de casa, filha irmã.. e advogada …..e fiz a pouco 26 anos… somos eternas guerreiras! pra isso nascemos mulheres!
    Vou aprender e fazer um blog mim tb! rsrs

    bjussss

  24. É foda mesmo, as pessoas tendem a achar que só adolescente tem dessas coisas, puro engano.

  25. Uma dica! Se você precisa passar o endereço do perfil de uma forma mais fácil, existe um site que cria um redirecionamento pra você, http://www.meuperfil.net seu endereço vai ficar seulogin.meuperfil.net muito mais fácil que o endereço enorme que o orkut te passa. Ai quando alguem digitar o seulogin.meuperfil.net vai direto pro seu perfil do orkut.

  26. eu quero que voces me add ai por favor so os loko


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: